Windows Dev Center

Acessibilidade para aplicativos do Tempo de Execução do Windows em JavaScript e HTML

Este tópico descreve o suporte de acessibilidade incluído no Tempo de Execução do Windows quando você desenvolve um aplicativo do Tempo de Execução do Windows em JavaScript e explica como tirar proveito do suporte para criar aplicativos do Tempo de Execução do Windows acessível em JavaScript.

Procurando a versão C#/VB/C++ deste tópico? Consulte Acessibilidade para aplicativos do Tempo de Execução do Windows em C#/VB/C++ e XAML.

Os tópicos desta seção foram criados para desenvolvedores que estão familiarizados com HTML, Folhas de Estilo em Cascata (CSS) e JavaScript.

O suporte à acessibilidade é interno ao Tempo de Execução do Windows e especificamente dos processos de desenvolvimento e do ambiente de tempo de execução para um aplicativo do Tempo de Execução do Windows em JavaScript. Como o host do Tempo de Execução do Windows renderiza a interface do usuário de um aplicativo, as informações de acessibilidade definidas na marcação do aplicativo e o código de suporte são expostas por meio da Automação da Interface do Usuário Microsoft — a API de acessibilidade da Microsoft — e são disponibilizadas para ferramentas de tecnologia adaptativa, como leitores de tela. Isso inclui as ferramentas de tecnologia adaptativa que estão disponíveis como parte do próprio Windows.

Expondo informações de acessibilidade para aplicativos da Windows Store em JavaScript

É simples oferecer informações de acessibilidade básica como parte de aplicativos do Tempo de Execução do Windows em JavaScript. A linguagem de marcação é HTML, e existem vários padrões, técnicas e tecnologias estabelecidos, todos eles contribuindo para tornar o conteúdo HTML acessível, sem importar como o HTML é usado especificamente por um aplicativo do Tempo de Execução do Windows. O suporte à acessibilidade para um aplicativo do Tempo de Execução do Windows em JavaScript baseia-se nesse princípio fundamental e adiciona seus próprios recursos e técnicas de acessibilidade. Como todas as marcas HTML e a Biblioteca do Microsoft Windows para controles JavaScript já são acessíveis, a implementação da acessibilidade em aplicativos do Tempo de Execução do Windows em JavaScript normalmente envolve configurar somente alguns atributos HTML.

Este documento enfatiza a marcação e o código que os desenvolvedores precisam implementar para oferecer suporte aos seguintes cenários-chave de acessibilidade.

  • Leitores de tela — Usuários cegos ou com deficiência visual dependem de leitores de tela para interpretar e interagir com a interface do usuário do aplicativo. O processo de interpretação envolve ler nomes de elementos, funções, valores da interface do usuário, entre outros itens, e a interação com a interface do usuário envolve mover o foco de um elemento para outro e invocar a funcionalidade do aplicativo.
  • Acessibilidade do teclado — Muitos usuários de acessibilidade dependem do teclado para navegar pela interface do usuário e operá-la, fazendo o seguinte:
    • Movendo o foco entre elementos com o uso da tecla Tab.
    • Navegando em elementos de contêiner, como listas, grades e exibições em grade, usando as teclas direcionais.
    • Ativando funcionalidades (invocando ações) com o uso da tecla Enter ou Espaço.
    • Usando teclas de atalho para acessar eficientemente outras funcionalidades do aplicativo.
  • Experiência visual acessível — Usuários com deficiência visual precisam de uma proporção suficiente de contraste de texto para o conteúdo de texto, além de uma boa experiência visual com temas de alto contraste em geral. Usuários daltônicos precisam que as informações sejam transmitidas por meios que não envolvam o uso de cores.

Ao enviar o seu aplicativo para a Windows Store, você pode declará-lo como acessível. Declarar o seu aplicativo como acessível facilita descobrir os usuários que estão interessados em aplicativos acessíveis, como os usuários com deficiências visuais. Cada um dos tópicos desta seção se destina a ajudar você a lidar com as diretrizes de acessibilidade de forma que seja possível declarar seu aplicativo como acessível.

Observação  Declarar o aplicativo como acessível somente é relevante para aplicativos da Windows Store.

Nesta seção

Recursos adicionais

  • Exemplo de ARIA — Este aplicativo de exemplo demonstra como usar as marcas ARIA (Accessible Rich Internet Applications) para tonar um aplicativo da Windows Store completamente acessível.
  • Referência para WAI-ARIA — Esta página da especificação oficial WAI-ARIA (Iniciativa para Acessibilidade na Web - Aplicativos Avançados para Internet para Acessibilidade) do World Wide Web Consortium (W3C) inclui links para informações de referência de todas as funções, os estados e as propriedades ARIA.
  • Práticas de criação WAI-ARIA — Esta página descreve a interação com o teclado e identifica as funções, os estados e as propriedades WAI-ARIA relevantes para um conjunto de widgets e estruturas.
  • Especificação HTML5 — Esta é a especificação oficial HTML5 do W3C que inclui a especificação WAI-ARIA, que agora faz parte do padrão HTML5.
  • Exemplos de acessibilidade OpenAjax — Este site é um excelente recurso para verificar as regras para WAI-ARIA e HTML5. Ele também contém vários exemplos de implementações WAI-ARIA.

Tópicos relacionados

Acessibilidade para aplicativos do Tempo de Execução do Windows em C#/VB/C++ e XAML
Acessibilidade para aplicativos do Tempo de Execução do Windows

 

 

Mostrar:
© 2015 Microsoft