Esta página foi útil?
Seus comentários sobre este conteúdo são importantes. Queremos saber sua opinião.
Comentários adicionais?
1500 caracteres restantes
Exportar (0) Imprimir
Expandir Tudo

Perguntas frequentes sobre preços de Barramento do Serviço

Atualizado: maio de 2015

Se você tiver dúvidas sobre a estrutura de preços do Barramento do Serviço do Microsoft Azure, consulte as perguntas frequentes na seção a seguir. Você também pode visitar as Perguntas frequentes sobre preços da Plataforma Azure para obter informações gerais sobre preços do Microsoft Azure. Para obter mais informações sobre preçosBarramento do Serviço, consulte Detalhes de Preços do Service Bus.

noteObservação
Os preços de Hubs de Eventos do Barramento do Serviço são descritos em Event Hubs Preview Pricing, Availability, and Support.

Para saber mais sobre preços do Barramento do Serviço, veja Preços e faturamento do Barramento do Serviço e Detalhes de preços do Barramento de Serviço. Além dos preços citados, são cobradas as transferências de dados associadas dos egressos para fora do data center em que o aplicativo é provisionado. É possível encontrar mais detalhes na seção Quais usos do Service Bus estão sujeitos à transferência de dados? E qual não está? abaixo.

Todas as transferências de dados em uma determinada região do Azure são fornecidas sem custos. Todas as transferências de dados fora de uma região são sujeitas a cobranças de egresso a uma taxa de $ 0,15 por GB a partir das regiões da América do Norte e da Europa, e de $ 0,20 por GB a partir da região da Ásia-Pacífico. Todas as transferências de dados de entrada são fornecidas sem custos.

Uma retransmissão é uma entidade do Barramento do Serviço que retransmite mensagens entre clientes e serviços Web. A retransmissão proporciona ao serviço um endereço descobrível e persistente do Barramento do Serviço, conectividade confiável com recursos de passagem de firewall/NAT, e recursos adicionais como o balanceamento de carga automático. Uma retransmissão é implicitamente instanciada e aberta em um determinado endereço do Barramento do Serviço (URL do namespace) sempre que um serviço WCF habilitado para retransmissão, ou "ouvinte de retransmissão", se conecta pela primeira vez àquele endereço. Os aplicativos criam ouvintes de retransmissão usando a API gerenciada do .NET do Barramento do Serviço, que oferece versões especiais habilitadas para retransmissão das associações do WCF padrão.

As horas de retransmissão são cobradas pelo tempo cumulativo durante o qual cada retransmissão do Barramento do Serviço é "aberta" durante um determinado período de cobrança. Uma retransmissão é implicitamente instanciada e aberta em um determinado endereço do Barramento do Serviço (URL do namespace de serviço) quando um serviço WCF habilitado para retransmissão, ou "ouvinte de retransmissão", se conecta pela primeira vez àquele endereço. A retransmissão só é fechada quando o último ouvinte se desconecta de seu endereço. Portanto, para fins de cobrança, uma retransmissão é considerada como "aberta" a partir da hora de conexão do primeiro ouvinte de retransmissão até a hora de desconexão do último ouvinte da retransmissão do endereço do Barramento do Serviço dessa retransmissão. Em outras palavras, uma retransmissão é considerada como "aberta" sempre que um ou mais ouvintes da retransmissão estiverem conectados a seu endereço do Barramento do Serviço.

Em alguns casos, uma única retransmissão no Barramento do Serviço pode ter mais de um ouvinte conectado. Isso pode ocorrer com serviços com balanceamento de carga que usam as associações netTCPRelay ou *HttpRelay WCF, ou com ouvintes de eventos de difusão que usam a associação netEventRelay WCF. Uma retransmissão no Barramento do Serviço é considerada “aberta” quando ao menos um ouvinte de retransmissão estiver conectado a ela. A adição de outros ouvintes a uma retransmissão aberta não altera o status dessa retransmissão para fins de cobrança. O número de remetentes da retransmissão (clientes que chamam ou enviam mensagens para retransmissões) conectados a uma retransmissão também não tem efeito sobre o cálculo de horas de retransmissão.

Em geral, as mensagens faturáveis são calculadas por retransmissões usando-se o mesmo método descrito acima para entidades agenciadas (filas, tópicos/assinaturas e buffers de mensagem). Entretanto, existem algumas diferenças notáveis:

  1. O envio de uma mensagem para uma retransmissão do Barramento do Serviço é tratado como um envio de "passagem completa" para o ouvinte de retransmissão que recebe a mensagem, e não como um envio para a retransmissão do Barramento do Serviço seguido de uma entrega para o ouvinte da retransmissão. Portanto, uma invocação de serviço no estilo solicitação-resposta (de até 64 KB) para um ouvinte de retransmissão resultará em duas mensagens cobráveis: uma mensagem cobrável para a solicitação e uma mensagem cobrável para a resposta (supondo que a resposta também seja <= 64 KB). Isso é diferente de usar uma fila para fazer a mediação entre um cliente e um serviço. No último caso, o mesmo padrão solicitação-resposta exigiria um envio de solicitação à fila, seguido de uma remoção de fila/entrega da fila para o serviço, seguida de um envio de resposta para outra fila e uma remoção de fila/entrega dessa fila para o cliente. Usando as mesmas suposições de tamanho (<= 64 KB), o padrão de fila intermediado resultaria portanto em quatro mensagens cobráveis, duas vezes o número cobrado para implementar o mesmo padrão usando a retransmissão. É claro que existem vantagens em usar filas para a obtenção desse padrão, como durabilidade e nivelamento de carga. Essas vantagens podem justificar a despesa adicional.

  2. As retransmissões abertas usando a associação NetTCPRelay WCF tratam as mensagens não como mensagens individuais, mas como um fluxo de dados através do sistema. Em outras palavras, somente o remetente e o ouvinte têm visibilidade do enquadramento das mensagens individuais enviadas/recebidas usando essa associação. Assim, para retransmissões que usam a associação netTCPRelay, todos os dados são tratados como um fluxo para fins de cálculo das mensagens cobráveis. Nesse caso, o Barramento do Serviço calculará a quantidade total de dados enviados ou recebidos por meio de cada retransmissão individual em base de 5 minutos e dividirá esse total por 64 KB para determinar o número de mensagens faturáveis pela retransmissão em questão durante aquele período de tempo.

Não, o Barramento do Serviço não cobra o armazenamento. Entretanto, existe uma cota que limita a quantidade máxima de dados que podem persistir por fila/tópico. Consulte a seção O Service Bus tem alguma cota de uso? abaixo.

Por padrão, para qualquer serviço em nuvem, a Microsoft define uma cota de uso mensal agregado calculada entre todas as assinaturas de um cliente. Como compreendemos que talvez você precise de mais do que esses limites, contate o atendimento ao cliente em qualquer ocasião para podermos compreender suas necessidades e ajustar esses limites de forma adequada. Para o Barramento do Serviço, as cotas agregadas de uso são:

  • 5 bilhões de mensagens

  • 2 milhões de horas de retransmissão

Embora nos reservemos o direito de desabilitar a conta de um cliente que tenha excedido suas cotas de uso em um determinado mês, forneceremos notificação por email e faremos várias tentativas de contatar o cliente antes de tomar qualquer ação. Os clientes que excederem essas cotas ainda serão responsáveis pelas cobranças que excederem as cotas.

Como ocorre com outros serviços no Azure, o Barramento do Serviço impõe um conjunto de cotas específicas para garantir que haja um uso justo de recursos. Estas são as cotas de uso impostas pelo serviço:

  • Tamanho da fila/tópico – você especifica o tamanho máximo de fila ou de tópico ao criar a fila ou o tópico. Essa cota pode ter um valor de 1, 2, 3, 4 ou 5 GB. Se o tamanho máximo for atingido, as mensagens de entrada adicionais serão rejeitadas e o código de chamada receberá uma exceção.

  • Número de conexões simultâneas

    • Fila/Tópico/Assinatura - o número de conexões TCP simultâneas em uma fila/tópico/assinatura limita-se a 100. Se essa cota for atingida, as solicitações subsequentes de conexões adicionais serão rejeitadas e o código de chamada receberá uma exceção. Para cada fábrica do sistema de mensagens, o Barramento do Serviço mantém uma conexão TCP se algum cliente criado por essa fábrica do sistema de mensagens tiver uma operação ativa pendente ou se tiver concluído uma ação há menos de 60 segundos. As operações REST não são incluídas na contagem de conexões TCP simultâneas.

  • Número de ouvintes simultâneos em uma retransmissão – o número de ouvintes NetTcpRelay e NetHttpRelay simultâneos em uma retransmissão limita-se a 25 (1 para uma retransmissão NetOneway).

  • Número de ouvintes de retransmissão simultâneos por namespace de serviço – O Barramento do Serviço impõe um limite de 2.000 ouvintes de retransmissão simultâneos por namespace de serviço. Se essa cota for atingida, as solicitações subsequentes para abrir ouvintes de retransmissão adicionais serão rejeitadas e o código de chamada receberá uma exceção.

  • Número de tópicos/filas por namespace de serviço – o número máximo de tópicos/filas (entidades em armazenamento durável) em um namespace de serviço limita-se a 10.000. Se essa cota for atingida, as solicitações subsequentes para a criação de um novo tópico/fila no namespace de serviço serão rejeitadas. Nesse caso, o portal de gerenciamento exibirá uma mensagem de erro ou o código cliente de chamada receberá uma exceção, dependendo de a tentativa do cliente ter sido feita via portal ou no código cliente.

  • Cotas de tamanho de mensagem

    • Fila/Tópico/Assinatura

      • Tamanho da mensagem – cada mensagem está limitada a um tamanho total de 256 KB, incluindo os cabeçalhos da mensagem.

      • Tamanho do cabeçalho da mensagem – cada cabeçalho de mensagem limita-se a 64 KB.

    • Retransmissões de NetOneway e NetEvent – cada mensagem está limitada a um tamanho total de 64 KB, incluindo os cabeçalhos da mensagem.

    • Retransmissões Http e NetTcp – O Barramento do Serviço não impõe um limite de tamanho dessas mensagens.

    As mensagens que excederem essas cotas de tamanho serão rejeitadas e o código de chamada receberá uma exceção.

  • Número de assinaturas por tópico – o número máximo de assinaturas por tópico limita-se a 2.000. Se essa cota for atingida, as solicitações subsequentes para a criação de assinaturas adicionais do tópico serão rejeitadas. Nesse caso, o portal de gerenciamento exibirá uma mensagem de erro ou o código cliente de chamada receberá uma exceção, dependendo de a tentativa do cliente ter sido feita via portal ou no código cliente.

  • Número de filtros SQL por tópico - o número máximo de filtros SQL por tópico limita-se a 2.000. Se essa cota for atingida, as solicitações subsequentes para a criação de filtros adicionais no tópico serão rejeitadas e o código de chamada receberá uma exceção.

  • Número de filtros de correlação por tópico - o número máximo de filtros de correlação por tópico limita-se a 100.000. Se essa cota for atingida, as solicitações subsequentes para a criação de filtros adicionais no tópico serão rejeitadas e o código de chamada receberá uma exceção.

Para obter mais informações sobre cotas, consulte Cotas de Barramento do Serviço.

Mostrar:
© 2015 Microsoft