Exportar (0) Imprimir
Expandir Tudo

Planejar a otimização

Atualizado: dezembro de 2014

 

Ícone da Sincronização de Dados do SQL Azure

Bem-vindo ao Sincronização de Dados do SQL (Visualização). Este tópico é o terceiro de cinco tópicos com os quais você deve estar familiarizado antes de criar e implementar um plano de sincronização de dados. Os cinco tópicos preparatórios são:

O plug-in da Sincronização de Dados do SQL do Microsoft Azure no portal do Microsoft Azure Silverlight foi encerrado. A partir de agora, use o Portal de Gerenciamento do Microsoft Azure para a Sincronização de Dados do SQL do Azure.

Você pode acessar a Sincronização de Dados do SQL (Visualização) por meio da guia SINCRONIZAR em Banco de Dados SQL, no Portal de Gerenciamento do Microsoft Azure. A guia SINCRONIZAR está disponível somente quando você tem um ou mais grupos de sincronização. Consulte o tópico Como: Como criar um grupo de sincronização (SDS) para obter orientações sobre como criar e modificar um grupo de sincronização desse portal.

Consulte a seção Navegação abaixo para obter links para tópicos que você deve ler antes de iniciar e também orientações sobre como criar e modificar grupos de sincronização.

Você pode reduzir seus custos minimizando o tráfego de dados ao entrar ou sair de um data center. O custo da movimentação de dados entre data centers é maior que o da movimentação de dados dentro de um data center.

  • Localize seu servidor do Sincronização de Dados do SQL (Visualização) no data center em que você tem a maioria do tráfego de dados.

  • Localize seu hub do grupo de sincronização no data center para onde você tem a maioria do tráfego de dados.

  • Sincronize somente na frequência exigida por suas necessidades comerciais.

    Isto significa que alguns grupos de sincronização sincronizarão com mais frequência e outros com menos. Por exemplo, é improvável que você precise que seu grupo de sincronização de Folha de Pagamento seja sincronizado a cada cinco minutos. Uma sincronização semanal ou mensal provavelmente seria suficiente.

Alguns dos mesmos problemas que afetam seus custos também afetam a eficiência dos seus grupos de sincronização.

É mais econômico e mais rápido manter o máximo possível de seus movimentos de dados dentro de um data center. A taxa de transferência em um data center é aproximadamente o dobro da existente entre data centers.

O Sincronização de Dados do SQL (Visualização) é um recurso do Banco de Dados SQL. No portal de gerenciamento do Azure, você pode executar todas as tarefas necessárias para criar, implantar e modificar um grupo de sincronização.

 

Como criar um grupo de sincronização

Há seis etapas para criar um grupo de sincronização no portal de Gerenciamento do Azure. Detalhes de cada etapa se encontram nesses links.

  1. Entre no Portal de Gerenciamento do Banco de dados SQL do Azure
    Sincronização de Dados do SQL (Visualização) se encontra como uma guia no Banco de dados SQL somente após a criação de um grupo de sincronização.

  2. Instalar um agente do cliente de Sincronização de Dados do SQL

  3. Registrar um banco de dados do SQL Server com um agente cliente

  4. Criar seu grupo de sincronização

  5. Definir sua sincronização de dados

  6. Configurar seu grupo de sincronização (SDS)

Como modificar um grupo de sincronização

Você pode modificar o esquema de um grupo de sincronização adicionando/removendo tabelas ou colunas no grupo de sincronização; ou alterando a largura ou o tipo de dados de uma coluna. Detalhes se encontram nos links.

Consulte também

Mostrar:
© 2015 Microsoft