Idioma: HTML | XAML

Início rápido: configurar armazenamento removível como dispositivo de Reprodução Automática (HTML)

Applies to Windows only

Você pode identificar um dispositivo de volume, como um cartão de memória ou pen drive, como um dispositivo de Reprodução Automática quando o dispositivo de volume é conectado a um computador. Isso é especialmente útil quando você quer associar um aplicativo específico para Reprodução Automática para apresentar ao usuário do seu dispositivo de volume.

Este exemplo mostra como identificar seu dispositivo de volume como um dispositivo de Reprodução Automática.

Para identificar seu dispositivo de volume como um dispositivo de Reprodução Automática, adicione um arquivo autorun.inf à unidade raiz de seu dispositivo. No arquivo autorun.inf, adicione uma chave CustomEvent à seção AutoRun. Quando seu dispositivo de volume for conectado a um computador, a Reprodução Automática encontrará o arquivo autorun.inf e tratará seu volume como um dispositivo. A Reprodução Automática criará um evento de Reprodução Automática usando o nome que você forneceu para a chave CustomEvent. Você poderá então criar um aplicativo e registrá-lo como um manipulador para esse evento de Reprodução Automática. Quando o dispositivo for conectado ao computador, a Reprodução Automática mostrará seu aplicativo como um manipulador para seu dispositivo de volume. Para saber mais sobre arquivos autorun.inf, veja ar entradas autorun.inf.

Fabricantes do dispositivo::   A Reprodução Automáica não baixa automaticamente o aplicativo que você cria como um manipulador de seu dispositivo. Como sempre, os usuários podem baixar seu aplicativo na Windows Store. Para criar uma experiência mais simplificada, use os metadados do dispositivo para associar seu aplicativo ao dispositivo. Se você associar seu aplicativo como o aplicativo de instalação automática para a ID da experiência do seu dispositivo, o sistema operacional descobrirá a associação quando seu dispositivo for conectado a um computador. Se o computador não tiver seu aplicativo instalado, o sistema operacional baixará automaticamente e instalará seu aplicativo. A Reprodução Automática apresentará seu aplicativo como primeira opção de manipulador para o usuário escolher para seu dispositivo. Para saber mais, veja Reprodução Automática para aplicativos de dispositivo da Windows Store.

Objetivo: Crie um aplicativo para manipular um evento de Reprodução Automática personalizado para um dispositivo de volume.

Pré-requisitos

Você deve ter um dispositivo de volume, como um pen drive ou cartão de memória, para concluir as instruções no início rápido.

Microsoft Visual Studio

Instruções

1. Crie um arquivo autorun.inf

  • Na unidade raiz do seu dispositivo de volume, adicione um arquivo nomeado autorun.inf. Abra o seu arquivo autorun.inf e adicione o texto a seguir.

    [AutoRun]
    CustomEvent=AutoPlayCustomEventQuickstart
    
    

2. Criar um novo projeto e adicione declarações de Reprodução Automática

  1. Abra o Visual Studio e selecione Novo Projeto no menu Arquivo. Na seção Javascript, selecione Windows Store. Nomeie o aplicativo AutoPlayCustomEvent e clique em OK.
  2. Abra o arquivo Package.appxmanifest e selecione a guia Recursos. Selecione a funcionalidade Armazenamento Removível. Isso dá ao aplicativo acesso aos arquivos e pastas em dispositivos de armazenamento removíveis.
  3. No arquivo de manifesto, selecione a guia Declarações. Na lista suspensa Declarações Disponíveis, selecione Conteúdo de Reprodução Automática e clique em Adicionar. Selecione o novo item Conteúdo de Reprodução Automática que foi adicionado à lista Declarações com Suporte.

    Observação  Alternativamente, você também pode escolher adicionar uma declaração Dispositivo de Reprodução Automática para seu evento de Reprodução Automática.

  4. Na seção Ações de Início do evento de declaração Conteúdo de Reprodução Automática, insira os eventos a seguir para a primeira ação de início.

    ConfiguraçãoValor
    Verbomostrar
    Nome de exibição da açãoMostrar Pastas
    Evento de ConteúdoAutoPlayCustomEventQuickstart

     

    O valor Evento de Conteúdo é o texto que você forneceu para a chave CustomEvent em seu arquivo autorun.inf. A configuração Nome de Exibição da Ação identifica a cadeia de caracteres que a Reprodução Automática exibe para seu aplicativo. A configuração Verbo identifica um valor que é passado ao seu aplicativo para a opção selecionada. Você pode especificar várias ações de inicialização para um evento de Reprodução Automática e usar a configuração Verbo para determinar qual opção um usuário selecionou para seu aplicativo. Você pode saber qual opção o usuário selecionou verificando a propriedade verb dos argumentos de eventos de inicialização passados para o seu aplicativo. Você pode usar qualquer valor para a configuração Verbo, exceto open que é reservada.

  5. Na lista suspensa Declarações Disponíveis, selecione Associações de Tipo de Arquivo e clique em Adicionar. Nas Propriedades da nova declaração Associações de Tipo de Arquivo, defina o campo Nome de Exibição para Show .ms Files e o campo Nome para ms_association. Na seção Tipos de Arquivo com Suporte, clique em Adicionar Novo. Configure o campo Tipo de arquivo para .ms. Nos eventos de conteúdo, a Reprodução Automática filtra qualquer tipo de arquivo que não seja associado explicitamente ao aplicativo.
  6. Salve e feche o arquivo de manifesto.

3. Adicionar UI HTML

  • Abra o arquivo Default.html e coloque o seguinte HTML na seção <body> .
    
    <h2>Files</h2>
    <div id="files" style="width:400px;height:600px;font-size:large;" />
    
    
    

4. Adicione o código de ativação

O código nesta etapa chama uma função para exibir as pastas na unidade raiz de seu dispositivo de volume. Para os eventos de conteúdo de Reprodução Automática, a Reprodução Automática passa a pasta raiz do dispositivo de armazenamento nos argumentos de inicialização que são passados para o aplicativo. Você pode recuperar essa pasta do primeiro elemento da propriedade detail.files. Você pode saber se o aplicativo foi iniciado como um manipulador para um evento de conteúdo de Reprodução Automática se a propriedade detail.kind dos argumentos de evento de ativação retornar um valor de Windows.ApplicationModel.Activation.ActivationKind.file.

  • Abra a pasta js. Abra o arquivo Default.js e substitua a função padrão onactivated usando o seguinte código.
    
    var filesDiv;
    
    app.onactivated = function (args) {
        if (args.detail.kind === activation.ActivationKind.file) {
            filesDiv = document.getElementById("files");
            displayFiles(args.detail.files[0]);
        }
    
        args.setPromise(WinJS.UI.processAll());
    };
    
    
    

5. Adicionar código para exibir nomes de pastas

  • No arquivo Default.js, adicione o código a seguir após a função onactivated.
    
    function displayFiles(folder) {
        var options = new Windows.Storage.Search.QueryOptions();
        options.fileTypeFilter.append(".ms");
        var query = folder.createFileQueryWithOptions(options);
        query.getFilesAsync().done(
            function (files) {
                files.forEach(
                    function (f) {
                        filesDiv.innerHTML += "&nbsp;&nbsp;" + f.name + "<br/>";
                });
            });
    }
    
    
    

6. Compilar e executar o aplicativo

  1. Pressione F5 para compilar e implantar o aplicativo (no modo de depuração).
  2. Para executar seu aplicativo, insira um cartão de memória ou outro dispositivo de armazenamento em seu computador. Em seguida, selecione seu aplicativo na lista de opções do manipulador de Reprodução Automática.

Resumo e próximas etapas

Neste tutorial, você identificou um dispositivo de volume como um dispositivo de Reprodução Automática definindo um nome de evento de Reprodução Automática personalizado usando um arquivo autorun.inf. Em seguida, você criou um aplicativo que é registrado como o manipulador para esse evento personalizado.

Tópicos relacionados

Início automático com Reprodução Automática

 

 

Mostrar:
© 2014 Microsoft