Políticas de aplicativos para Windows Phone

Applies to Windows Phone

Observação importanteObservação importante:

Estes requisitos serão substituídos pelas Políticas do Windows e da Windows Store a partir de 23 de outubro de 2014. Consulte as Políticas do Windows e da Windows Store para saber mais sobre todos os requisitos e políticas atuais relacionados ao envio de aplicativos à Loja do Windows Phone (e à Windows Store).

Para proteger o serviço Loja do Windows Phone e os usuários do serviço e para atender aos requisitos das operadoras móveis, a Microsoft estabeleceu as seguintes políticas para aplicativos (incluindo o nome do fornecedor, o nome do aplicativo, o ícone do aplicativo, a descrição do aplicativo e capturas de tela do aplicativo) oferecidos para distribuição na Loja do Windows Phone. A Microsoft se reserva o direito de atualizar estas políticas conforme necessário.

Requisito

Texto do requisito

2.1

Se seu aplicativo incluir compra no aplicativo, funcionalidade de faturamento ou captura de informações financeiras, os seguintes requisitos se aplicam:

2.1.1

Se seu aplicativo usar a API de compra no aplicativo da Microsoft fornecida pelo Windows Phone,

  • seu aplicativo poderá vender somente itens ou serviços digitais. O produto de aplicativo vendido em seu aplicativo deve ser consumido ou usado em um aplicativo que você disponibilize em uma plataforma Microsoft.

  • Os produtos de aplicativo vendidos em seu aplicativo não podem ser convertidos para nenhuma moeda legalmente válida (por exemplo, dólares, euros, etc.), ou serviços ou bens materiais, exceto quando o aplicativo usar a compra no aplicativo para vender uma representação física de conteúdos digitais criados pelo usuário inteiramente em um Windows Phone, incluindo fotos, música, vídeo, texto ou documentos.

2.1.2

Se seu aplicativo incluir a funcionalidade de faturamento no aplicativo ou captura de informações financeiras confidenciais mas não usar a API de compra no aplicativo da Microsoft fornecida pelo Windows Phone, os requisitos a seguir aplicam-se aos tipos de conta listadas:

  • Para todas as contas,

    • No momento da operação ou quando você coletar qualquer informações financeiras ou de pagamento do cliente, o aplicativo deve identificar o provedor de transações comerciais, autenticar o usuário e obter a confirmação do usuário para a transação. O aplicativo pode oferecer ao usuário a capacidade de salvar essa autenticação, mas o usuário deve ter a capacidade de exigir uma autenticação em cada operação ou desativar transações no aplicativo. Se o aplicativo coletar informações de cartões de crédito ou usar um processador de pagamentos de terceiros que coleta informações de cartões de crédito, o processador de pagamentos deverá atender ao PCI DSS (Padrão de Segurança de Dados PCI) atual.

  • Para contas individuais e de estudantes,

    • Seu aplicativo não pode coletar informações financeiras confidenciais ou pagamentos dentro do aplicativo.

    • Você pode aceitar o pagamento fora do aplicativo através de uma relação de faturamento preexistente e pode coletar informações de conta pessoal e pagamento fora da experiência do aplicativo por meio de um processador de pagamentos de terceiros aprovado ou através de um site HTTPS seguro.

2.1.3

Você não pode usar o mecanismo de comércio da Microsoft para facilitar contribuições beneficentes ou sorteios. Se o aplicativo for usado para facilitar ou coletar contribuições beneficentes ou para realizar concursos ou sorteios promocionais, você deve fazer isso em conformidade com as leis aplicáveis. Você também deve declarar claramente que a Microsoft não está levantando fundos, nem é patrocinadora da promoção.

2.1.4

A descrição do aplicativo deve incluir informações sobre os tipos de compras no aplicativo oferecido e a faixa de preços.

2.2

Seu aplicativo não pode vender, vincular-se a ou de outra forma promover planos de voz móveis.

2.3

Seu aplicativo não deve arriscar ou comprometer a segurança do usuário ou a segurança e a funcionalidade do(s) dispositivo(s) Windows Phone, do sistema ou sistemas relacionados e não deve ter o potencial de causar danos aos usuários do Windows Phone ou qualquer outra pessoa.

2.4

[EXCLUÍDO]

2.5

[EXCLUÍDO]

2.6

[EXCLUÍDO]

2.7

2.7.1

[EXCLUÍDO]

2.7.2

[EXCLUÍDO]

2.7.3

Aplicativos que recebem a localização de um dispositivo móvel do usuário devem fornecer configurações no aplicativo que permitam ao usuário habilitar e desabilitar o acesso e o uso da localização pelo aplicativo a partir da API de serviço de localização.

2.7.4

[EXCLUÍDO]

2.7.5

[EXCLUÍDO]

2.7.6

[EXCLUÍDO]

2.7.7

[EXCLUÍDO]

2.7.8

[EXCLUÍDO]

2.8

Os requisitos a seguir aplicam-se aos aplicativos que acessam informações pessoais. Informações pessoais incluem todas as informações ou dados que possam ser usados de maneira aceitável para identificar uma pessoa. Exemplos de informações pessoais: contatos, fotos, números de telefone, gravações de áudio e vídeo, localização, SMS ou outras comunicações por texto, capturas de tela do computador, identificadores de conta exclusivos, identificadores exclusivos baseados no hardware do computador e, em alguns casos, o histórico de navegação combinado.

2.8.1

Se o aplicativo tiver capacidade técnica de transmitir dados para você ou para terceiros, será necessário manter uma política de privacidade. Esse recurso pode ser hospedado dentro do aplicativo ou vinculado diretamente a ele. A política de privacidade deve ser acessível a partir do aplicativo, a qualquer instante. As declarações de funcionalidade do aplicativo que o tornam compatível com rede incluem: internetClient, internetClientServer, privateNetworkClientServer e ID_CAP_NETWORKING. Sua política de privacidade deve informar os usuários sobre as informações pessoais acessadas ou transmitidas pelo aplicativo e como essas informações são usadas, armazenadas, protegidas e divulgadas. Deve também descrever o tipo de controle que os usuários têm sobre o uso e o compartilhamento de suas respectivas informações e como eles podem acessar essas informações. Além disso, sua política de privacidade deve estar em conformidade com as leis e os regulamentos aplicáveis.

2.8.2

Seu aplicativo poderá publicar as informações pessoais do cliente para um serviço externo ou outra pessoa somente depois de obter uma autorização por meio de aceitação. Autorização por meio de aceitação significa que o cliente concederá permissão explícita na interface do usuário do aplicativo para a atividade solicitada, após você: (a) descrever ao cliente como a informação será acessada, usada ou compartilhada; e (b) fornecer ao cliente um mecanismo pelo qual ele possa revogar essa permissão e recusá-la.

2.8.3

Se seu aplicativo publicar as informações pessoais de uma pessoa para um serviço ou terceiros, mas a pessoa cujas informações são compartilhadas não for um cliente do seu aplicativo, você deverá obter uma autorização explícita por escrito para publicar as informações pessoais, além de permitir que a pessoa cujas informações serão compartilhadas volte atrás em relação à autorização a qualquer momento. Se o aplicativo permitir que um cliente acesse as informações pessoais de outra pessoa, esse requisito também se aplica.

2.9

O aplicativo deve respeitar as configurações do sistema para notificações e permanecer funcional quando elas são desabilitadas. Isso inclui a apresentação de anúncios e notificações para o cliente, que também deve ser consistente com as preferências do cliente, independentemente das notificações serem fornecidas pelo Serviço de Notificação por Push da Microsoft (MPNS), Serviço de Notificação por Push do Windows (WNS) ou qualquer outro serviço. Se o cliente desabilitar as notificações, seja de forma específica no aplicativo ou em todo o sistema, o aplicativo deverá permanecer funcional.

Se seu aplicativo usar o Serviço de Notificações por Push da Microsoft ou o Serviço de Notificação do Windows para transmitir notificações, ele deverá estar em conformidade com os seguintes requisitos:

2.9.1

As notificações fornecidas pelo WNS ou MPNS são consideradas conteúdo do aplicativo e estão sujeitas a todas as políticas de aplicativos da Loja do Windows Phone, inclusive os requisitos de certificação.

2.9.2

O aplicativo não deve usar recursos de rede ou largura de banda do WNS/MPNS em excesso, nem sobrecarregar indevidamente o Windows Phone ou outro dispositivo ou serviço da Microsoft com notificações.

2.9.3

[EXCLUÍDO]

2.9.4

Você não pode ocultar nem tentar disfarçar a origem de qualquer notificação que seja iniciada pelo aplicativo.

2.9.5

Você não pode incluir, em uma notificação, informações que um cliente possa considerar confidenciais ou secretas.

2.10

Seu aplicativo e os metadados devem ser totalmente funcionais e oferecer aos clientes uma utilidade ou um valor criativo único em todos os idiomas e mercados compatíveis. Por exemplo, seu aplicativo não pode usar um nome ou ícone semelhante ao de outros aplicativos.

2.11

Seus aplicativo e os metadados associados devem refletir de maneira precisa e clara a fonte, as funcionalidades e os recursos do aplicativo. As capturas de tela, o nome do aplicativo, o nome do desenvolvedor, o bloco, a categoria e a descrição fornecidos com seu aplicativo devem ajudar o usuário a entender as funções, os recursos e quaisquer limitações importantes que possam existir. Se seu aplicativo contiver conteúdo ou recursos restritos para determinadas regiões geográficas ou tiver outras limitações importantes, elas devem ser claramente descritas. Não represente seu aplicativo como sendo de alguma empresa, órgão governamental ou outra entidade sem ter permissão para isso.

2.12

[EXCLUÍDO]

2.13

Quando o aplicativo tiver a capacidade de usar a ID de anúncio, ele não poderá coletá-la nem usá-la se o usuário tiver desabilitado esse recurso. Caso o usuário tenha redefinido a ID de anúncio, seu aplicativo não poderá usar nenhum valor anterior da ID de anúncio nem associá-lo ao novo valor.

2.14

As funcionalidades que você declara devem estar legitimamente relacionadas com as funções e a proposta de valor do seu aplicativo da Loja do Windows Phone, e a utilização dessas declarações deve ser compatível com as nossas declarações de funcionalidade do aplicativo. Você não deve burlar as verificações do sistema operacional para o uso da capacidade.

Saiba mais sobre nossas declarações de funcionalidades de aplicativos.

2.15

Você deve traduzir seu aplicativo para todos os idiomas que ele permite. Os idiomas que seu aplicativo suporta estão listados em Suporte a culturas e idiomas para Windows Phone. A experiência oferecida por um aplicativo deve ser relativamente semelhante em todos os idiomas compatíveis.

Você deve fornecer uma descrição completa de seu aplicativo para seus clientes em cada idioma que declarar no pacote do aplicativo. O texto sobre a descrição do seu aplicativo deve ser traduzido. Se seu aplicativo estiver traduzido de forma que alguns recursos não estejam disponíveis em uma versão localizada, você deve declarar ou exibir claramente os limites da tradução na descrição do aplicativo.

Mostrar:
© 2014 Microsoft