Windows Store

Com o suporte a comércio avançado para compras no aplicativo, novas ferramentas para o gerenciamento de ofertas de seu aplicativo e várias melhorias na experiência do usuário da Windows Store, é mais fácil carregar, vender e manter seu aplicativo.

Novidades e atualizações do Windows 8.1

Alterações no carregamento e no Painel da Windows Store

O processo de integração da Windows Store agora oferece suporte aos seguintes fluxos de trabalho de envio de aplicativos:

  • Adição de um aplicativo direcionado para o Windows 8.1 quando você já tiver publicado o mesmo aplicativo direcionado para o Windows 8.

  • Adição de um aplicativo direcionado para o Windows 8 quando você já tiver publicado o mesmo aplicativo direcionado para o Windows 8.1.

  • Envio simultâneo de pacotes do Windows 8 e Windows 8.1 para o mesmo aplicativo.

  • Envio de atualizações para pacotes do Windows 8 e Windows 8.1, um de cada vez ou simultaneamente.

Depois que você publica pacotes para Windows 8 e Windows 8.1, tem a opção de encerrar o suporte para o Windows 8 se desejar. Isso não remove o aplicativo para os clientes do Windows 8 que já o têm, mas significa que os novos clientes só poderão adquirir seu aplicativo se estiverem executando o Windows 8.1. Para saber mais, veja o tópico sobre como Remover aplicativos.

Esses diferentes fluxos de trabalho permitem tomar as decisões corretas sobre o suporte contínuo para seus aplicativos do Windows 8 e seu potencial de migração para o Windows 8.1. Consulte Adicionando pacotes do Windows 8.1 de um aplicativo existente e para obter mais informações.

Observação  Leia mais sobre como os lotes de aplicativos e pacotes de recursos estão mudando a maneira como os aplicativos são empacotados para envio e o que isso significa para seus usuários.

Compras de consumíveis no aplicativo usando o comércio da Loja

[Obtenha o exemplo de compra no aplicativo e aplicativo de avaliação agora.]

O Windows 8.1 introduz novos métodos para as classes CurrentApp e CurrentAppSimulator no namespace Windows.ApplicationModel.Store. Esses novos métodos permitem oferecer itens consumíveis em—compras em aplicativos que poderão ser comprados, usados e comprados novamente, se você desejar,—por meio da plataforma de comércio da Windows Store em vez de outras soluções de comércio. Isso permite que você:

  • Expanda os tipos de ofertas em seu aplicativo.

  • Habilite transações em todo o amplo alcance geográfico da Windows Store.

  • Mantenha uma experiência de comércio consistente para os usuários.

Veja como o fluxo de trabalho de transações ocorre para as compras no próprio aplicativo de consumíveis:

  1. Quando um usuário decide fazer uma compra no aplicativo, o aplicativo chama RequestProductPurchaseAsync para iniciar a transação com a Windows Store.

  2. Quando a transação é processada, um objeto PurchaseResults é retornado para o aplicativo. Este objeto contém o resultado da compra, a ID da transação e o recibo integral.

  3. Se o PurchaseResults retornado indicar que a compra foi bem-sucedida, o aplicativo fornecerá o acesso aos ativos adquiridos localmente.

  4. Para uma compra de consumível no aplicativo, o aplicativo relata o status de cumprimento do ativo para a Windows Store, passando a transactionId específica para o método ReportConsumableFulfillmentAsync.

É responsabilidade de seu aplicativo cumprir os ativos de aplicativos comprados. Até que a Windows Store recebe a confirmação de que a compra de consumíveis foi cumprida, as solicitações de transação adicionais feitas por seu aplicativo para o mesmo cliente não serão bem-sucedidas. Em vez disso, PurchaseResults retornará o status ProductAwaitingFulfillment.

Observação  Seu aplicativo pode usar o método GetUnfulfilledConsumablesAsync para verificar se há compras no aplicativo de consumíveis não cumpridas. Isso é útil para verificar se há operações que não foram cumpridas devido a interrupções de conectividade ou outros problemas, assim, você pode garantir que compras adicionais dos clientes não sejam bloqueadas.

Para obter mais informações, consulte Habilitar compras de consumíveis no aplicativo.

Suporte para grandes catálogos de compras no aplicativo

[Obtenha o exemplo de compra no aplicativo e aplicativo de avaliação agora.]

O Windows 8.1 introduz uma nova solução para aplicativos que oferecem catálogos de compras no aplicativo, indo além da limitação anterior de 200 entradas de produtos.

Uma nova sobrecarga do método RequestProductPurchaseAsync prevê um objeto ProductPurchaseDisplayProperties que contém metadados descritivos para a oferta específica dentro de seu catálogo de compras no aplicativo. Esses metadados substituem os metadados para a descrição de compra no aplicativo na Windows Store, sendo exibidos para os clientes por meio da interface do usuário de transação e do recibo de compra.

Essa solução permite que você crie várias entradas de produtos para níveis de preços específicos, em que cada uma pode representar centenas de ofertas de seu catálogo de compras no aplicativo.

Para obter mais informações, consulte Como gerenciar um catálogo abrangente de ofertas no aplicativo.

Atualizações automáticas de aplicativos

Você quer ter certeza de que seus clientes obterão quaisquer correções de bugs críticas ou recursos novos e cruciais para seu aplicativo, mas nem sempre você tem tempo para fornecer cenários adicionais aos clientes que não instalam as atualizações. Você quer garantir que grande maioria de sua base de usuários obtenha a versão mais recente e a melhor experiência para seu aplicativo.

Para resolver esse problema, o processo de atualização de aplicativo foi automatizado para usuários que executam o Windows 8.1. Os aplicativos são atualizados de forma eficiente, sem assistência ao usuário. Embora esse recurso esteja ligado por padrão, os usuários podem desligá-lo a qualquer momento.

Autenticação de proxy para cenários corporativos

O Windows 8.1 introduz atualizações para recursos do cliente da Windows Store e do Windows Update, que dão suporte à autenticação em configurações de proxy de rede, como protocolo WPAD e PAC (Certificado de Atributos de Privilégio). O suporte expandido para essas configurações permite a fácil aquisição de aplicativos e atualizações de aplicativos silenciosas para cenários BYOD (Traga seu próprio dispositivo) em um ambiente corporativo. Os funcionários da empresa podem usar tablets pessoais no trabalho e em casa, mantendo as políticas de segurança atuais e sem afetar os recursos de TI com solicitações de configuração para dispositivos pessoais.

Quando um funcionário conecta um dispositivo pessoal com Windows 8.1 a um ambiente corporativo configurado com proxy autenticado, o Windows solicita a autenticação do usuário para se conectar à rede. Da mesma forma, alguns outros componentes, como o Windows Internet Explorer, podem solicitar ao usuário essas credenciais de proxy. Se o usuário optar por salvar as credenciais, elas serão armazenadas no Gerenciador de Credenciais, no contexto do usuário.

Observação  O administrador da rede pode estabelecer uma política de grupo que configura um proxy do usuário como um proxy PAC ou estático.

Crédito resgatável para compras da Windows Store

Com o Windows 8.1, a Windows Store torna a compra de seus aplicativos pagos e as compras no aplicativo acessíveis para ainda mais clientes. Os clientes da Windows Store executando o Windows 8.1 podem:

  • Comprar valor armazenado como um código resgatável de sites de comércio eletrônico.

  • Comprar valor armazenado como um cartão com um código resgatável de lojas físicas.

  • Armazenar crédito resgatado com uma conta da Microsoft para uso posterior.

Quando um cliente resgata um código, a quantidade especificada é adicionada ao valor armazenado associado à conta da Microsoft do cliente. O cliente pode, então, usar o crédito para pagar as compras da Windows Store. O crédito também pode ser usado em outras plataformas da Microsoft, como Windows Phone, que são acessadas com a mesma conta da Microsoft

Quando um usuário decide comprar um aplicativo da Windows Store, qualquer valor da conta armazenada será o método de pagamento padrão. Se não houver fundos suficientes para concluir a transação, a Windows Store solicitará que o usuário cubra o restante usando uma forma de pagamento alternativa.

Observação  Um valor armazenado é resgatado em uma conta de cobrança específica para seu país e sua moeda. O valor resgatado só pode ser usado em aplicativos (e em compras no aplicativo) disponíveis no mercado.

Resultados de pesquisa da Loja fornecidos pela análise do Bing

Começando com o Windows 8.1, a pesquisa da Windows Store e outros métodos de descoberta de aplicativos aproveitam o sistema avançado de recomendação e relevância do Bing. Esse valioso aprimoramento na pesquisa da Windows Store significa que:

  • Seus aplicativos podem ser descobertos quando são pesquisados por nome, recurso ou conteúdo, assim, clientes que possam estar interessados podem encontrá-los mais facilmente.

  • Os clientes podem facilmente descobrir os aplicativos mais vendidos na Windows Store e instalá-los imediatamente. Os resultados de pesquisa fornecidos pelo Bing levam em consideração os interesses expressados pelo cliente e seu histórico de compras para mostrar os resultados mais relevantes.

  • Clientes de aplicativos frequentes podem facilmente encontrar novos aplicativos interessantes navegando pela Windows Store.

  • Usuários que gostam de um tipo específico de aplicativo podem facilmente encontrar mais aplicativos do mesmo fornecedor ou aplicativos adicionais com recursos ou funcionalidade relacionados.

Páginas da Loja novas e aprimoradas

No Windows 8.1, a Windows Store ganha uma nova aparência. Tipos de página novos e atualizados melhoram a forma como o aplicativo é exibido para clientes potenciais. Cada página representa uma fatia relevante de conteúdo da Windows Store, voltada para atributos específicos dos aplicativos, como recursos e fornecedor, bem como as preferências dos clientes, com base em itens como histórico de compras e classificações de aplicativos enviadas. Cada página exibe uma mix de blocos de diferentes tamanhos em um layout atraente, que fornece muitas informações em um piscar de olhos.

Observação  A primeira imagem que você envia com capturas de tela de seu aplicativo agora é usada em muitos desses layouts. O bloco largo do seu aplicativo agora também é usado em algumas páginas da loja. Projete as imagens de forma adequada com essas apresentações em mente. Veja Escolhendo as imagens do seu aplicativo para saber mais.

página de destaque

A home page da Windows Store tem um design inteiramente novo, com um número maior de aplicativos visíveis assim que a Loja é iniciada. Aplicativos mostrados na home page podem aparecer em Destaque ou em listas como Sugestões, Mais Populares, Novidades, Populares Pagos e Populares Gratuitos, e o mix de aplicativos é atualizado com frequência.

página de descrição do produto

A página de descrição do produto oferece um novo layout que exibe informações relevantes durante uma compra, após a compra e como ponto de entrada para que os usuários descubram aplicativos relacionados, inclusive outros aplicativos oferecidos pelo mesmo fornecedor.

página de aplicativos relacionados

A nova página de aplicativos relacionados permite aos clientes explorar outros aplicativos que oferecem conteúdo ou funcionalidade relacionados a um aplicativo específico na Windows Store. Em alguns casos, a Windows Store usa uma página de Aplicativos relacionados como uma Página do fornecedor para exibir uma lista completa de todos os aplicativos de um fornecedor específico disponíveis na Windows Store.

 

 

Mostrar:
© 2014 Microsoft