Exportar (0) Imprimir
Expandir Tudo

Gerenciar usuários (Relatórios SQL do Azure)

Atualizado: maio de 2014

ImportantImportante

Ao criar o servidor do , especifique um administrador de servidor. Esse usuário poderá criar outros usuários com níveis de permissão diferentes.

Para permitir que outros acessem o serviço, você primeiro cria novos usuários e, em seguida, atribui funções. Um usuário de relatório deve ser exclusivo no serviço. Você não pode importar informações do usuário do relatório de outros serviços pelo portal. Cada usuário de relatório deve ser criado manualmente no sistema.

Inicialmente, todos os usuários são atribuídos a uma única função que determina o nível de permissão no nó raiz. Qualquer função que você atribui a um usuário de relatório no nó raiz é automaticamente herdada por outros itens em toda a hierarquia de pastas. Abaixo do nó raiz, em itens individuais, você pode atribuir outras funções para obter permissões adicionais.

Lembre-se de que as atribuições de função são cumulativas. Se um usuário de relatório for criado como um Gerenciador de Conteúdo no nó raiz, você terá que interromper a herança de permissões se quiser cortar as permissões para esse usuário nos itens abaixo do nó raiz.

  1. Abra o navegador da Web e inicie o Portal de Gerenciamento da Plataforma Azure especificando as credenciais apropriadas do . Abra o servidor .

    noteObservação
    No momento, você deve usar o portal de gerenciamento para criar usuários de relatório. Depois que os usuários de relatório são criados, as funções podem ser atribuídas programaticamente.

  2. Clique em Usuários na parte superior da página.

  3. Clique em Criar na parte inferior da página.

  4. Digite o nome de usuário e a senha, e selecione uma ou mais funções de item que abranjam o tipo de tarefas que esse usuário tem permissão para executar.

    Crie contas de usuário para indivíduos ou grupos de usuários que precisam de acesso ao serviço. Não é possível criar grupos explicitamente, mas você pode criar uma conta de usuário genérica, como ReportReader, e distribuir o nome de usuário e a senha para qualquer pessoa que precise de acesso de exibição a um relatório.

    noteObservação
    Nomes de usuários devem ser exclusivos. Os requisitos de nome de usuário incluem pelo menos três caracteres, dos quais um deve ser uma letra. Se você fornecer um nome duplicado, uma mensagem de erro será exibida, e você não poderá continuar até que altere o nome de usuário para um exclusivo.

  5. Escolha uma função para o usuário. Essa função define as permissões no nó raiz.

    noteObservação
    Após criar uma conta de usuário, você não poderá atualizar a atribuição de função de um usuário no portal. Se você cometer um erro, precisará recriar o usuário e escolher uma atribuição de função diferente. Como alternativa, você poderá atualizar as atribuições de função do usuário de modo programático usando a API SOAP do Reporting Services. Para obter mais informações sobre o Método ReportingService2010.SetSystemPolicies (http://go.microsoft.com/fwlink/?LinkId=248988) na API do .

     

    Navegador

    Fornece acesso de leitura a relatórios e fontes de dados compartilhadas.

    Publicador

    Concede permissão para carregar o conteúdo, como arquivos .rdl ou .rds, mas sem permissão para excluir o conteúdo.

    Gerenciador de Conteúdo

    Fornece o nível mais alto de permissões do serviço, incluindo a capacidade de excluir o conteúdo e adicionar ou alterar permissões e contas de usuário.

    As funções são semelhantes às disponíveis no servidor de relatórios de modo nativo, exceto as funções do sistema, e as funções de item Meus Relatórios e Construtor de Relatórios, que não estão aplicáveis no . Além disso, dentro de uma função, as tarefas para criar e gerenciar modelos, agendas, histórico de relatório e assinaturas não se aplicam aos Relatórios SQL. Para obter mais informações, consulte Usando funções predefinidas, Atribuições de funções e Tarefas e permissões.

  6. Clique na marca de seleção para salvar a conta de usuário.

Consulte também

Mostrar:
© 2014 Microsoft