Exportar (0) Imprimir
Expandir Tudo

Análise de Armazenamento e cobrança

Atualizado: julho de 2011

Este tópico discute os custos do Storage Analytics e como usar dados de métricas e de registro em log para entender a conta de serviços de armazenamento.

O Storage Analytics é habilitado por um proprietário de conta de armazenamento; não é habilitado por padrão. Todos os dados de métricas serão gravados pelos serviços de uma conta de armazenamento. Como resultado, cada operação de gravação executada pelo Storage Analytics é faturável. Além disso, a quantidade de armazenamento usado por dados de métrica também é faturável.

As seguintes ações executadas pelo Storage Analytics são faturáveis:

  • Solicitações para criar blobs para registro em log

  • Solicitações para criar entidades de tabela para métricas

Se você configurou uma política de retenção de dados, as transações de exclusão não serão cobradas quando o Storage Analytics excluir dados de registro e métricas antigos. No entanto, as transações de exclusão de um cliente são faturáveis. Para obter mais informações sobre políticas, consulte Definindo uma política de retenção de dados de Análise de Armazenamento.

Cada solicitação feita a um serviço de armazenamento de uma conta é faturável ou não faturável. O Storage Analytics registra cada solicitação individual feita a um serviço, incluindo uma mensagem de status que indica como a solicitação foi tratada. De maneira semelhante, o Storage Analytics armazena métricas para um serviço e as operações de API desse serviço, incluindo os percentuais e a contagem de determinadas mensagens de status. Juntos, esses recursos podem ajudá-lo a analisar suas solicitações faturáveis, fazer melhorias em seu aplicativo e diagnosticar problemas com solicitações a seus serviços. Para obter mais informações sobre cobrança, consulte Noções básicas de cobrança de armazenamento do Windows Azure – largura de banda, transações e capacidade.

Ao examinar os dados do Storage Analytics, você pode usar as tabelas exibidas no tópico Operações registradas em log na Análise de Armazenamento e mensagem de status para determinar quais solicitações são faturáveis. Em seguida, você pode comparar seus logs e dados de métricas com as mensagens de status para ver se houve cobrança por uma determinada solicitação. Você também pode usar as tabelas no tópico anterior para investigar a disponibilidade de um serviço de armazenamento ou uma operação de API individual.

Consulte também

Mostrar:
© 2014 Microsoft