Exportar (0) Imprimir
Expandir Tudo

Hospedagem protegida por um firewall com Service Bus

Atualizado: junho de 2014

Este tópico descreve várias formas de se conectar ao Microsoft Azure Service Bus protegido por um firewall ou por meio de um servidor proxy.

Os tópicos de solução de problemas a seguir discutem soluções comuns para problemas encontrados na conexão através de um firewall com o Service Bus.

Para usar a retransmissão do Service Bus, verifique se o firewall permite comunicação TCP de saída nas portas TCP 9350 a 9354. Para o sistema de mensagens agenciado do Service Bus, use a porta 9354. Para o AMQP, use a porta 5672. Para usar WebStreams sobre HTTPS, você deve permitir conexões HTTPS de saída com a porta 443.

Se a execução estiver protegida por um firewall/proxy que exija autenticação ou estiver em uma rede protegida por IPsec, haverá obstáculos adicionais para que qualquer cliente alcance o proxy da rede. Por exemplo, contas do Windows podem não ter permissões para se comunicar através do firewall. Portanto, pode ser necessário definir explicitamente as configurações de proxy WinHTTP com as credenciais apropriadas.

Definir o modo de conectividade para HTTP (ou seja, ConnectivityMode = http) poderá fazer com que as conexões fiquem muito lentas na presença de alguns proxies. Por exemplo, algumas conexões podem precisar de até 20 segundos para se conectar. Estender a opção OpenTimeout do serviço para até dois minutos pode ajudar, pois o tempo poderá expirar entre a aquisição do token do Access Control e o funcionamento do fluxo da Web. Depois que o fluxo da Web é estabelecido, o rendimento normalmente melhora.

Mostrar:
© 2014 Microsoft