Exportar (0) Imprimir
Expandir Tudo

Controle do código-fonte

Atualizado: outubro de 2014

Ao usar um back-end JavaScript, o Serviços Móveis do Microsoft Azure pode ser configurado para fornecer um repositório Git para armazenar os scripts de servidor. Os arquivos de código de script de servidor carregados do repositório local são automaticamente publicados no serviço móvel. Para obter um tutorial sobre como publicar scripts de servidor a partir do repositório local no serviço móvel, consulte Armazenar scripts de servidor no controle do código-fonte. De modo contrário, um serviço móvel de back-end .NET sempre utiliza os recursos de publicação do Visual Studio.

noteObservação
Anote as credenciais de logon que você fornecer quando habilitar o controle do código-fonte e criar o repositório Git. Você deverá fornecê-las para sincronizar os dados entre o repositório e o computador local. Se perder as credenciais ou desejar alterá-las, você poderá redefini-las no Portal de Gerenciamento. Para redefinir as credenciais, clique em Redefinir as credenciais do controle do código-fonte na guia Painel e, em seguida, forneça as novas credenciais e clique em OK.

Os benefícios do uso do controle do código-fonte incluem o seguinte:

  • Criar scripts de servidor no computador local usando o editor de sua preferência e, em seguida, publicar as alterações em seu serviço móvel.

  • Manter um histórico das alterações feitas nos scripts de servidor e nas permissões, mesmo quando elas forem feitas no portal.

  • Voltar para uma versão anterior do código caso ocorram problemas após a implantação.

  • Implantar um conjunto de atualizações de script de servidor em um único conjunto de alterações.

  • Permitir que vários usuários trabalhem nos mesmos arquivos de código simultaneamente e, em seguida, mesclar as alterações no Git.

Para obter mais informações gerais sobre como usar o sistema de controle do código-fonte Git, consulte o site da Git. Experimente comandos Git ao vivo no tutorial interativo de Git.

noteObservação
É iniciado um reinício de seu serviço móvel sempre que confirmar e enviar por push as alterações para seu serviço móvel usando o Git.

O repositório possui a seguinte estrutura de pastas:

  • serviço: Raiz do repositório específico do serviço móvel.

    • api: Contém os arquivos de script da API personalizada (api_name.js) e os arquivos de permissão JSON (api_name.json).

    • extensões: Contém módulos que estendem o comportamento de tempo de execução do seu serviço móvel.

    • compartilhado: Contém os arquivos de script compartilhados, como o script de comentários APNS (Apple Push Notification Service) (feedback.js).

    • agendador: Contém os arquivos de script do trabalho agendado (job_name.js).

    • tabelas: Contém os arquivos de script da operação de tabela (table_name.js) e os arquivos de permissão JSON (table_name.json). Os arquivos de script herdados são armazenados no formato tablename.operation.js.

Para obter mais informações, consulte os arquivos Leiame no repositório.

A Microsoft está realizando uma pesquisa online para saber sua opinião sobre o site do MSDN. Se você optar por participar, a pesquisa online lhe será apresentada quando você sair do site do MSDN.

Deseja participar?
Mostrar:
© 2014 Microsoft