VENDAS: 1-800-867-1389

Verificar disponibilidade do nome do serviço de nuvem

Atualizado: abril de 2014

A operação Check Hosted Service Name Availability verifica se há disponibilidade do nome do serviço de nuvem especificado.

A solicitação Check Hosted Service Name Availability pode ser especificada da seguinte maneira. Substitua <subscription-id> por sua ID da assinatura e <cloudservice-name> pelo nome do serviço de nuvem que você gostaria de usar.

 

Método URI de solicitação Versão HTTP

GET

https://management.core.windows.net/<subscription-id>/services/hostedservices/operations/isavailable/<cloudservice-name>

HTTP/1.1

A tabela a seguir descreve os cabeçalhos da solicitação.

 

Cabeçalho de solicitação Descrição

x-ms-version

Obrigatório. Especifica a versão da operação a ser usada para esta solicitação. Este cabeçalho deve ser definido como 2012-03-01 ou posterior. Para obter mais informações sobre cabeçalhos de controle de versão, consulte Controle de versão de gerenciamento de serviço.

A resposta inclui um código de status HTTP, um conjunto de cabeçalhos de resposta e um corpo de resposta.

Uma operação bem-sucedida retorna o código de status 200 (OK). Para obter informações sobre códigos de status, consulte Status de Gerenciamento de Serviço e códigos de erro.

A resposta para esta operação inclui os cabeçalhos a seguir. A resposta também pode incluir cabeçalhos padrão HTTP adicionais. Todos os cabeçalhos padrão obedecem à especificação de protocolo HTTP/1.1.

 

Cabeçalho de resposta Descrição

x-ms-request-id

Um valor que identifica exclusivamente uma solicitação feita no serviço de gerenciamento.

Formato do corpo da resposta:


<?xml version="1.0" encoding="utf-8"?>
<AvailabilityResponse xmlns=”http://schemas.microsoft.com/windowsazure”>
  <Result>name-availability</Result>
  <Reason>reason</Reason>
</AvailabilityResponse>

A tabela a seguir descreve os principais elementos no corpo da resposta:

 

Nome do elemento Descrição

Resultado

Um valor booliano que indica se o nome está disponível para uso. True se o nome estiver disponível; caso contrário, false.

Para versões anteriores a 2013-03-01, a operação retornava true para nomes não utilizados mesmo se estivessem reservados ou se fossem profanos. Com os cabeçalhos da versão de 2013-03-01 e posterior, a operação retorna false para palavras reservadas ou profanas.

Reason

Descreve por que o nome não pode ser usado para criar o serviço de nuvem.

O elemento Reason só estará disponível com a versão 2013-03-01 ou superior.

Qualquer certificado de gerenciamento associado à assinatura especificada por <subscription-id> pode ser usado para autenticar esta operação. Para obter mais detalhes, consulte Autenticando solicitações do gerenciamento de serviços.

Nenhum.

Isso foi útil para você?
(1500 caracteres restantes)
Agradecemos os seus comentários
Mostrar:
© 2014 Microsoft